Como você imaginou o fim da briga entre Google e Apple por direito de propriedade intelectual?

Provavelmente achou que seria algo semelhante ao caso da Samsung onde esta teve que pagar uma multa de 1,05 bilhão de dólares, se pensou assim está errado!

Este caso pode acabar bem diferente do que muitos esperavam, de acordo com fontes da agência de notícia Reuters, o presidente-executivo da Google, Larry Page, e o CEO da Apple, Tim Cook, vem batendo papo secretamente sobre varias questões em relação a propriedade intelectual de ambas as empresas, e nisto estão inclusas as disputas das patentes em relação a dispositivos móveis.

Segundo fontes, os dois executivos teriam marcado mais uma conversa para o dia de hoje(31/08) e, por razões que não foram explicadas, foi adiada. São esperadas novas conversas futuramente e a ultima conversa entre eles foi na semana passada.

Briga Amigável, diferente da Samsung

Os diálogos mantidos pelas duas empresas é algo de alto nível e se encontra numa situação bem diferente do recente caso entre a Samsung e Apple, no qual a Apple processou a empresa Coreana por violação de patentes, e ganhou a causa.
Não temos certeza de precisamente quais pontos estão sendo discutidos. As fontes acreditam que o acordo será bem amplo, e vários assuntos serão abordados sobre as empresas e, em sua maioria, seriam sobre os dispositivos móveis. também é possivel que o acordo fique limitado a um conjunto bem específico.

 

Android Dominando!

 

A briga entre a Google e a Apple começou a ferver com o advento do Android na batalha dos smarthphones. O sistema do Robô é o SO móvel Número 1 do mundo. O android era considerado um produto que foi roubado de Steve Jobs.

A popularidade do Android cresceu muito e é consequentemente o número de processos de violação de patentes sobre diversos fornecedores que usam o Android.

A apple está promovendo alterações para reduzir a sua dependência do Google. A Grande Maçã lançou seu próprio software de mapeamento móvel para se tornar concorrente do Google Maps e não irá mais oferecer o YouTube como um aplicativo pré-carregado no iOS - algo que era feito desde o lançamento do iPhone.

A Conversa passada entre Page e Cook não resultou em um acordo formal, mas eles concordaram em continuar conversando.

Fonte:  Tecmundo

(Nenhuma avaliação para esta página.)

Avalie esta página!

Google e Apple resolvem suas brigas de forma amigável
Classificado como:                

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *